O Bandido da Luz Vermelha

Dirigido pelo jovem diretor Rogério Sganzerla, na época com apenas 22 anos de idade, o longa  é considerado um clássico brasileiro de 1968. Baseado na vida do famoso assaltante João Acácio Pereira da Costa, apelidado de “bandido da luz vermelha”

No filme,  o Bandido da Luz Vermelha utiliza técnicas peculiares em cada ato criminoso, deixando a policia e a imprensa  surpresas.

Sempre utilizando uma pequena lanterna vermelha para auxiliar em seus roubos e furtos à residências,  que tinha o costume de fazer vítimas, conversar com elas e às vezes até  abusar delas, sexualmente ou com favores domésticos, como obrigar as mulheres a cozinhar pra ele durante o período de sua estadia nada agradável em suas residências.

Outra característica marcante do Bandido da Luz Vermelha era empreender fugas  cinematográficas, fazendo com que a polícia nunca chegasse perto dele nem descobrisse realmente quem ele era e assim continuar cada vez mais com seus roubos e furtos…

O Banido tem uma namorada, Janete Jane ,durante o filme faz algumas amizades com outros assaltantes e, ainda, com um político corrupto, que mais tarde acaba sendo traído após ser perseguiio e encurralado pela policia, quando decide dar fim a sua vida cometendo suicídio.

O roteiro, de autoria do próprio diretor, é baseado na história de João Acácio Pereira da Costa, bandido catarinense que, em 1967, atormentou a polícia paulista.

O roteiro denota uma familiaridade muito grande com a história contada, com a narração à maneira dos programas policiais de rádio. Ele é bastante minucioso ao mostrar os “anos de aprendizagem” do Luz, na apresentação do delegado Cabeção e nas exatas palavras do casal de locutores que comentam os acontecimentos da cidade em que é transformada São Paulo no filme.

Louco,doente,bandido,inocente….

Cada um tem uma visão ou uma versão diferente para a historia deste personagem da vida real….

A banda IRA! lançou, em 1988, um LP em homenagem ao Luz Vermelha, o disco “Psicoacústica” . O álbum traz diversas referências, começando pela capa e com  as faixas  “Rubro Zorro”  e “Pegue Essa Arma” , com trechos de áudios retirados do filme.

Abaixo,trecho do filme,de onde o IRA! Pegou os devidos trechos:

Anúncios

About letsoitenta

Divulgar bandas de rock nacional 80' .
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s